Systemback para big linux

Boa tarde galera systemback roda no Big linux?

1 Curtida

N√£o foi testado, mas se ele funcionar no Ubuntu 19.04 deve funcionar no biglinux

1 Curtida

Te aconselho a tentar o Systemback 1.9.3 (achei num site italiano). O Systemback 1.9.2 n√£o funciona nem com o Ubuntu 18.04 em diante. Ou melhor: funciona, mas n√£o d√° boot.
De outro lado, gostaria de saber como fazer uma live-ISO do meu sistema, j√° customizado, via terminal.
Link: https://francoconidi.it/systemback-1-9-3-per-debian-9-ubuntu-17-10-18-04/

P.S.: em algumas distros vai dar erro do mesmo jeito quando for dar o boot. Então, pelo que li, antes de mandar o Systemback fazer a ISO, exclua o casper e instale live-boot. Também é aconselhável mandar ignorar o arquivo bash_history, a pasta /apt do synaptic, apagar tudo da pasta /tmp e da /var/log. Apaga também a xsession.error e exclui conexão de rede (se for wi-fi).

ailtoncb,

Para o BL 20.04, baixe este Systemback:

As demais sugest√Ķes est√£o mantidas.

Abraço,

M4jura

1 Curtida

Voc√™ testou ele @M4jura? √Č que eu ando meio sem tempo de ficar a frente do PC esses dias, mas antes de mais nada, obrigado por compartilhar!

T+

Creto,

O novo Systemback eu n√£o cheguei a usar. Usei o 1.9.3. Confesso que ele faz o trabalho de forma razo√°vel, mas s√≥ mant√©m as configura√ß√Ķes se eu indicar dessa forma, isto √©, a√≠ ele fica com senha e tudo.
Também cria uma pasta no /etc chamada Systemback, e a distro instalada fica com quase 30Gb

[ ]

Ol√°,

Mesmo apagando as pastas de configura√ß√Ķes do KDE?

T+

Creto,

S√£o exatamente essas configura√ß√Ķes que preciso manter.

Hum,

Pois é, se assim, ou seja, para uso particular ficar com todo esse tamanho é bem complicado.

Quando eu tiver um tempinho, vou tentar dar uma olhada nesse novo systemback 1.9.4…

Ah, mas como um particular interessado no assunto mostro aqui o que minha pesquisa mostrou quanto ao assunto @M4jura:

  • Em uma tradu√ß√£o livre:

Ao usar o systemback para clonar seu sistema no modo ao vivo e instalável, se o tamanho for menor que 4 gigabytes, o programa dá a possibilidade de convertê-lo para .iso , enquanto se for maior só há a possibilidade de gravá-lo diretamente um pen drive. A este respeito, compartilharei os comandos para poder criar uma imagem .iso inicializável de tamanho enorme para ser compartilhada. Tudo isso aguardando uma atualização futura e a resolução de alguns bugs. Então, depois de usar o systemback, temos um arquivo como: systemback_live_2020-06-01.sblive

Fonte: Edmond’s Weblog

T+

Creto,

Acho que n√£o me fiz entender.
J√° criei ISO com SystemBack. A ISO ficou com 3,22Gb. O problema foi depois de instalada, que ficou com 30Gb.
Ele cria uma pasta no /etc chamada systemback (além de não apagar o programa pós-instalação) que deixa a instalação enorme.

1 Curtida

M4jura, mas você usou ext4 ou btrfs padrão do big atual?

T+

Usei o ext4. Nunca usei o btrfs.

1 Curtida

Pois é, acho que se usasse em btrfs ficaria menor, mas são achismos meus
Quem sabe o mestre dos códigos dê seu palpite por ai
:wink:

T+