Hoje, vos apresento, o futuro!

O btrfs tem muitas funções a mais, no BigLinux utilizamos principalmente duas, a compactação e os snapshots.

Sobre a compactação, o sistema instalado em ext4 utiliza 6,08 GB, enquanto em BTRFS utiliza apenas 2,40 GB. Isso além de economizar espaço, faz os programas abrirem mais rápido.

E os snapshots são usados caso uma atualização de errado ou algo quebre no sistema, diariamente é gerado um ponto de restauração que fica acessível na hora que vai ligar o computador.

Boa noite Big Bruno e equipe,

Essa versão com o KDE está muito rápida, testei com um live pendrive e é show.

Pena que já utilizo a versão 7.10 desde o ano passado com o cinnamon e deepin e vai ficar difícil substituir. Como sou um simples usuário não tenho conhecimento em programação, o notebook é para usabilidade do dia a dia, bancos, internet, impressão, ouvir músicas, enfim cheguei a comprar um mac pro pois não aguentava mais tanta lerdeza e travamentos no meu note vaio de 2012 com core i5 e que veio com o windows e já estava mais lento que minha tartaruga na fase inverno…

Fiz teste com diversas versões nesse Vaio, porém rodando a versão 7.10 do Biglinux ganhou de todas, inclusive sendo melhor que o mint.

Roda tudo liso, sem travamentos, para mim é bem rápido, mesmo utilizando hd e não ssd.

Única coisa que faz um mês que não funciona mais, e eu não sei porque é um fone de ouvido da JBL TUNE500BT bluetooth, funcionava com um som meio furado, fraco, não tinha muito grave, mas funcionava, derrepente parou de funcionar. No KDE nessa versão atual também não funciona.

Entendo que tudo se atualiza, mas acostumei com o cinnamon, vamos ver o futuro!!!

Sobre o bluetooth, testou outro fone de ouvido para ver se funciona?

Já sobre a velocidade do sistema, em todos os testes que fiz o novo big usando partição btrfs sempre ganha na velocidade do 7.10.

Mas se vc está satisfeito com o 7.10 não tem pq mudar, o Deepin mantêm as atualizações do sistema e ele deve continuar funcionando indefinidamente.

Bruno, instalei o sistema em duas máquinas. Numa antiga(Intel) e outra recente (AMD). Na recente, o sistema está apresentando umas instabilidades, o que pode ser?

A descrição do problema é muito ampla, é preciso mais detalhes de que tipo de instabilidade, se ela ocorre em algum momento específico e etc.

De toda forma, chegou a testar tanto com o kernel Generic quanto com o kernel Xanmod?

Salve BIGBRUNO, uso o BIGLINUX desde seu inicio, parei na época do 12.04, mas sempre dava uma olhada no fórum… instalei agora em um DELL vostro 3500, Intel core I5, com 4gb de RAM, substituindo o UBUNTU 19.04, mas mantendo o dual boot com windows 7 prof… correu td bem na BTRFS, muito intuitivo como sempre e rápido… até agora está rodando de boa… uso bastante o Suite Home 3D, para plantas de casas, e projetos elétricos online…ficou 10…tentei tambem instalar em um note toshiba intel i3 porem não aceitou o pen drive… então optei por colocar o MX Linux e foi de boa (só não consigo habilitar o audio pelo HDMI na tv) ai resolvi verificar no BIGLINUX e vi que não tem a configuração do HDMI tambem…tem como ver via terminal? ou vacilei aqui? (obs.: o BIGLINUX ficou muito mais rápido que o UBUNTU)… grande abraço e parabéns.

Legal, essa parte do BTRFS realmente está sendo um grande diferencial.

No Big vc ligou a HDMI em uma TV e não viu a saída de áudio para enviar via HDMI, isso?

Verificou em configurações, som e microfone, na última aba, se por ali detectou algum dispositivo na HDMI?

Sobre o boot no Toshiba, não chega a aparecer nem a tela do grub?

Gravou o pendrive com qual programa?

Obrigado pelo retorno. Voltou a funcionar o fone de ouvido.

Creio que para o usuário final o que importa é que funciona e não dá problema, é ele ligar o note e tudo funcionar e com uma velocidade campeã. Isso a versão 7.10 sem ser atualizada está entregando.

Roda tudo liso no sistema, seja skype, spotify, netflix, portas hdmi, etc; até as fontes são mais bonitas que as do kde atual, se bem que podem ser alteradas nas configurações.

Parabéns! uma benção a todos os envolvidos!

1 Curtida

Estava em dúvida se instalava esse BigLinux no meu notebook… Me arrependi… De não ter instalado antes… Gente, já testei várias distros, mas a Big Linux tá envergonhando as outras. Parabéns jovem Big Bruno… Pena que a NASA não conhece você…

1 Curtida

Obrigado pelos elogios, a ideia é sempre aperfeiçoar o sistema, hoje mesmo vou inserir no repositório duas pequenas atualizações para evitar alguns erros ao abrir programas como root.

Primeiro criei um pen drive (8GB) com o Rufus pelo windows, depois criei outro (4GB) pelo criador do Big mesmo, e ambos rodaram bem no DELL i5, e não deram boot pelo toshiba i3, dá uma msg que aquele não é um disco botável, insira outra media e pressione qualquer tecla…testei varias outras distros e vão de boa…com relação ao HDMI, não aparece a opção nas configurações, para selecionar fone, auto falante, e HDMI…
obs.: gostei da forma pratica de verificar o MD5SUN da ISO, pela propriedades do gerenciador de arquivos…

Sobre o problema de faltar áudio na HDMI, o vídeo é Intel tb?

Pesquisei um pouco sobre e basicamente falam em testar com outro kernel, chegou a testar tanto no xanmod quanto no generic?

Já a falta de boot no Toshibam, chegou a testar com Ubuntu 19.04 ou algum outro da familia Ubuntu 19.04?

Percebi que na verdade não estava aparecendo as abas, nas configurações do som; Para evitar dúvidas, formatei a partição linux com o Kernel 5.0.0.25-generic e instalei o 5.2.8-xanmod8, e resolveu; Agora reconhece tudo direito, e roda todas as versões e todos os temas…em relação ao toshiba, tentei com o Ubuntu 19.04 e tambem não reconhece o pendrive como dispositivo de boot… uma observação.: durante a instalação, quando pedimos para instalar ao lado de outro S.O. substituindo o linux presente no disco, ele aceita, formata, mas não continua a instalação (da erro) e voltamos ao menu de estrutura do disco…porem percebe-se que foi formatado corretamente, ai mandando continuar a instalação ele vai até o final… (todas as instalações que fiz, aconteceu desta forma)… continuo com os testes aqui…(o Dell está resolvido)… grande abraço

Sobre formatar e voltar, sabe se está com o BigLinux 19.04 ou 19.04.1?

Pq boa parte das falhas no instalador estavam ligadas a mintagem automática de partições no kde, para resolver essa parte ou se usa o 19.04.1 ou faz a instalação utilizando o lxqt

Se já tiver feito assim tenho que tentar descobrir esse novo erro

Sobre o boot falhar, vou tentar encontrar alguma coisa, já chegou a usar outra versão do Ubuntu nele?

É o 19.04.1 porem não foi LXTQ, foi pelo Plasma clássico, (não sabia desse maçete…rs)… já o toshiba, rodou varias distros, Big Linux 12.04, puppy, DAM, ubuntu 14 e agora rodando bem o MX 18 (reconhecendo td agora)… só essas distros 19.xx que não estão sendo reconhecidas…vou tentar formatar o pendrive com Unetbootin agora, depois falo aqui…

Quando descobri o retorno do BIGLINUX, pensei justamente no Creto , lembro que o mesmo utilizou por um tempo o nickname de paulinho1971 pela comunidade de SL.

Como diz Milton Neves : -Que fim levou, nosso querido Creto ?

Parece que ele está meio sumido da Internet, no Facebook a última mensagem publicada é de julho de 2017.

1 Curtida

Hum … valeu o retorno grande BIGBRUNO , rsrs.
Se eu não estou enganado, lembro que ele possuía uma lan house aonde ele utilizava o bigLinux como distro. No estado do Pará

Rapaz, tô utilizando e gostando bastante. Uso em um netbook Aspire One, que é meio fraquinho. Mas tá rolando de boa. Acho que vou usá-lo no desktop também. Parabéns pelo belo trabalho!

1 Curtida

Nos próximos dias sai a versão 19.10, provavelmente o sistema fique um pouco mais rápido ainda

1 Curtida